APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas

Mensagem

  26 de Julho  Dia  Nacional dos Avós 

 

           A APFN vem associar-se à comemoração do DIA NACIONAL DOS AVÓS, que em tão boa hora foi decidido celebrar-se no próximo dia 26 de Julho.

           É uma homenagem feliz e oportuna, que chama a atenção para um papel tantas vezes injustamente esquecido, mas cada vez mais importante, num tempo como o nosso em que abundam Pais e Mães sem tempo e em que a economia, a eficácia e o sucesso se sobrepõem aos interesses da Família e aos afectos.

 

Sem sombra de dúvida e sem exagero, poder-se-á dizer hoje, mais do que nunca, que os Avós são os grandes pilares e “amortecedores” de muitas Famílias jovens, que talvez no futuro nunca lhes venham a agradecer pelo muito que deles recebem em horas presentes de aflição e dificuldade.

 

Com efeito, quem melhor que os Avós para verem com olho clínico o que os Pais ainda não sabem, para darem o colo que faz falta, para consolarem quando as Mães lá não estão, para levarem a passear ao jardim, para acompanharem ao pediatra ou à urgência, para ajudarem a decifrar as primeiras letras e contas, para lerem uma história ao deitar e até desdramatizarem os primeiros desgostos do acne, dos quilos e do amor?
 

Quando os Pais correm imenso, stressados por causa da sua carreira pessoal e por causa do patrão, do avião, da tese, da multinacional, e por causa do ginásio e do social, quem é que tem tempo para calmamente - dia sim, dia não, ou dia sim ,dia sim - em passo miúdo, cansado e curto, levar e buscar os meninos e meninas pela mão, mais a lancheira, os casacos, bibes e chapéus, gastando todo o tempo do mundo nesse carinhoso caminhar e entrelaçar de mãos?

 

 

 

 

E quando as famílias se escangalham e esfarrapam, por causa do tempo que se não deu ou do dinheiro que se acabou, por causa das zangas e indiferenças, e dos terceiros e terceiras que se intrometem, ou simplesmente por causa da saúde que inesperadamente se perde, a quem é que se recorre, a quem se pede ajuda, presença, consolo, um conselho, um cheque, uma mão, um abraço, um beijo desinteressado ou um colo tardio?
 

Avós, queridos Avós, Reis da festa ao menos por um dia !

Ainda bem que vos temos, ou tivemos!

Ainda bem que há muitos netos que vos têm e apreciam e que há cada vez mais Avós novos, desejosos de dar o seu tempo a quem dele mais precisa.
 

Sobretudo, muito obrigado por nos ensinarem tão bem o significado das palavras Amor, Sabedoria e Serenidade!
 

Obrigado pela vossa vida e cada vez maior longevidade, porque nós, filhos e netos e, sobretudo, o Mundo, precisam cada vez mais de vós!

 

Àqueles que já partiram, obrigado por, lá no Alto, continuarem a olhar por nós e, também, por continuarem a pedir a intercessão do Alto.

 

As Famílias Numerosas felicitam os Avós!
 

A APFN abraça-vos com ternura, devolvendo-vos a ternura que todos os dias de vós recebem!

APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas
Rua 3A à Urbanização da Ameixoeira
Área 3, Lote 1, Loja A
1750-084 Lisboa

Tel: 217 552 603 - 917 219 197
Fax: 217 552 604
 

Para saber mais:

 
Se tem 3 ou mais filhos, concorda com os nossos Princípios e Estatutos e deseja ser sócio,  
 
Para enriquecer o vosso serão, a APFN propõe um tema musical que junta em anexo.
Bom Serão em Família
 
Se quiser deixar de receber comunicados da APFN, envie um email para apfn@apfn.com.pt com o assunto "Remover" 
Nota importante: é necessário que seja enviado a partir da conta de correio electrónico onde foi recebido este comunicado.

[anterior]