APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas 

Comunicado

Publicitação dos Resultados Escolares

A APFN congratula-se com a publicitação pelo Ministério da Educação dos resultados escolares, na continuação do que tem vindo a ser feito nos últimos anos.
 
A partir dessa publicitação, várias entidades efectuaram a ordenação dos estabelecimentos de ensino de acordo com critérios diversos, um direito que lhes assiste, mas que a APFN não considera importante, uma vez que compete aos pais, baseado nos dados disponibilizados, e de acordo com o seu soberano critério, julgar quais as escolas mais adequadas para os seus filhos.
 
Perante os dados disponibilizados, a APFN manifesta a sua preocupação por haver escolas que continuam a apresentar diferenças enormes entre a "avaliação contínua" e as notas obtidas nos exames (superiores a 2 valores!). Mais preocupante ainda por se verificar que são, obviamente, as que apresentam as piores classificações nos exames finais!
 
A APFN congratula-se com a melhoria geral que se tem obtido nas classificações, o que mostra que a publicitação dos resultados escolares é um contributo muito importante e baratíssimo para a melhoria do sistema de ensino, como sempre afirmou. A transparência sempre foi uma boa solução para a melhoria de qualquer processo!
 
A APFN congratula-se, ainda, pelas medidas já anunciadas pela Ministra da Educação no sentido de melhorar o sistema, nomeadamente o encerramento das escolas que sistematicamente apresentam piores resultados, uma vez que nem todas as escolas são, de facto, estabelecimentos de ensino, como elas próprias têm provado.
 
Dados os resultados obtidos, a APFN insiste na necessidade de alargar os exames nacionais a todas as disciplinas do 9º ano, assim como aos 4º e 6º anos de escolaridade, e a divulgação dos resultados desses exames comparados com as classificações obtidas na "avaliação contínua".
 
A APFN insiste, também, que seja criado o "cheque ensino", para que todos os pais sejam livres de escolher o estabelecimento de ensino onde colocar os seus filhos, assim como nos restantes pontos no capítulo "Educação" previstos no Caderno APFN "Família - Semente do Futuro".
 
22 de Outubro de 2005

APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas  

Rua 3A à Urbanização da Ameixoeira
Área 3, Lote 1, Loja A
1750-084 Lisboa

Tel: 217 552 603 - 917 219 197
Fax: 217 552 604
 

Para saber mais:

 
Se tem 3 ou mais filhos, concorda com os nossos Princípios e Estatutos e deseja ser sócio,  
 
 
Se quiser deixar de receber comunicados da APFN, envie um email para apfn@apfn.com.pt com o assunto "Remover" 
Nota importante: é necessário que seja enviado a partir da conta de correio electrónico onde foi recebido este comunicado.
 

[anterior]