Português | English
ELFAC - European Large Families Confederation Junte-se a nós no facebook Envie-nos um email
 
A ASSOCIAÇÃO
ASSOCIAR-SE
FAQ'S
CONTACTOS
LINKS
ÁREA DE SÓCIOS
ÁREA DE EMPRESAS
RECOMENDAR A APFN
BOLETIM
Desejo receber a Newsletter da APFN no meu endereço de email:

European

Large Families

Confederation


 

Plano + Família
+ Intervenção > Estudos

A APFN elaborou vários estudos em parceria com entidades na temática da Família.

Estudo "Número de Filhos"

Estudo elaborado em 2009, com a coordenação científica do Professor Doutor Eduardo Brito Henriques, do Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa. O objectivo foi identificar qual o número de filhos que as mulheres portuguesas gostariam de ter e quais os obstáculos sentidos para que tal não aconteça. (saber mais…)

O estudo pode ser consultado em http://www.apfn.com.pt/Relatorio_APFN_Numero_de_filhos.pdf

Estudo "Portugueses Favoráveis ao trabalho a tempo parcial"

Estudo patrocinado pela APFN e realizado pela Netsonda em Dezembro de 2013. Foi motivado pelo anúncio, por parte do Governo, da intenção de instituir o trabalho a tempo parcial com compensação remuneratória, através de verbas comunitárias, e os resultados apontam para a ampla concordância da sociedade portuguesa em relação à medida. (saber mais…)

Consulte aqui o inquérito realizado e aqui os resultados do estudo.


Estudos que contaram com a colaboração da APFN:

Estudo "Welcome (one) more child: perspectives from mothers of large and non-large families"

Estudo que serviu de base a artigo publicado no International Journal of Clinical Neuroscienses and Mental Health por Marta Gonçalves e Rosário Boavida: Em todo mundo os países enfrentam um acentuado declínio da fertilidade. Este fenómeno comporta graves problemas de sustentabilidade social. As famílias numerosas (famílias com três ou mais filhos) aparecem portanto como essenciais para contrária esta tendência. O objetivo deste estudo é analisar as atitudes face à conceção em mães de família numerosa e mães de família não-numerosa.

Background: In many countries around the world we are currently witnessing a large decrease in the fertility rate. This phenomenon brings several social sustaining problems. Large families (families with three or more children) seem therefore essential on contradicting this tendency. The aim of this study is to explore attitudes towards conception in large (LFM) and non-large families mothers (NLFM). (find out more…)

O estudo pode ser consultado em http://www.apfn.com.pt/documentos/IJCNMH 2015.2.2.pdf