Português | English
ELFAC - European Large Families Confederation Junte-se a nós no facebook Envie-nos um email
 
A ASSOCIAÇÃO
ASSOCIAR-SE
FAQ'S
CONTACTOS
LINKS
ÁREA DE SÓCIOS
ÁREA DE EMPRESAS
RECOMENDAR A APFN
BOLETIM
Desejo receber a Newsletter da APFN no meu endereço de email:

European

Large Families

Confederation


 

Plano + Família
APFN, Mensagem, "Dia da Mãe - 06.Maio.2012" publicado a 06/05/2012

logotipo APFN

Mensagem

06.Maio.2012

Dia da Mãe

Cantada pelos poetas de todos os tempos e lugares,
“Minha Mãe, minha Mãe, ai que saudade imensa..."( Guerra Junqueiro),

"...foi a minha Mãezinha"( Aº Gedeão),

"Mãe: abre os olhos ao menos, diz que sim! Diz que me vês ainda (... ) que nem a Morte te afastou de mim!" ( Miguel Torga),

"(...) lê isto: Mãe, amo-te (...)" ( José Luís Peixoto),

recordada em quadras populares e cantada por cantores:

"Oh minha Mãe, minha amada,

Quem tem uma Mãe, tem tudo,

Quem não tem Mãe, não tem nada!"

a Mãe,

que hoje celebramos,

É e continuará a ser sempre lembrada,

Primeiro, como ninho, casa, leite e colo,

Sorrisos, beijos e cheiros,

ombros e braços,

fortes e seguros,

mãos que afagam, alimentam, lavam, vestem e protegem,

Voz que fala, canta, encanta, acalma e adormece,

Passos rápidos, sempre em roda viva.

Depois, como cordão de novo quebrado,

À entrada da escola,

Coração apertado, que se alegra ou entristece,

Com os primeiros sucessos e dores de cada filho...

Passa o tempo e eles ou elas crescem,

Um dia ultrapassam mesmo, em estatura, graça e saber,

A Mãe,

Que parece agora cada vez mais pequena, cansada, enrugada e envelhecida...

Mas ela continua lá atrás,

De sorriso aberto,

E ainda é conselho, atenção e carinho,

Mais calada, sim, seca talvez alguma lágrima furtiva,

"Tudo crê, tudo espera, tudo perdoa",

Mas espia e prescruta sinais e sonhos,

Alegrias, medos e dores,

Em cada filho ou filha,

Mesmo quando já ganharam asas e deixaram o ninho...

Partindo à aventura da vida...

Nestes tempos tão difíceis para tantas famílias, em que a Mãe é muitas vezes a única âncora de muitas crianças, jovens e filhos adultos, sem presente e sem futuro,

a APFN – Associação Portuguesa de Famílias Numerosas – envia um Abraço de Parabéns e Esperança em dias melhores, a todas as Grandes Mães deste nosso País e a todas as jovens que continuam a sonhar dar à luz, educar os seus filhos e viver neste nosso Portugal!

Lisboa, 6 de Maio de 2012

APFN - Associação Portuguesa de Famílias Numerosas

Rua José Calheiros,15
1400-229 Lisboa

Tel: 217 552 603 - 919 877 902 - 917 219 197
Fax: 217 552 604