Português | English
ELFAC - European Large Families Confederation Junte-se a nós no facebook Envie-nos um email
 
A ASSOCIAÇÃO
ASSOCIAR-SE
FAQ'S
CONTACTOS
LINKS
ÁREA DE SÓCIOS
ÁREA DE EMPRESAS
RECOMENDAR A APFN
BOLETIM
Desejo receber a Newsletter da APFN no meu endereço de email:

European

Large Families

Confederation


 

Plano + Família

Conciliar tempo em família com a vida profissional

Um dos grandes desafios que as famílias atravessam hoje é conseguir passar tempo de qualidade, juntos. Trabalhamos mais horas que nunca. A maior parte do dia é passada no trabalho e depois há as atividades dos miúdos, as compras, as tarefas domésticas… no fundo quanto tempo passamos verdadeiramente com os nossos filhos? Não tanto como gostaríamos por certo.

Os pais têm de assumir uma multiplicidade de papéis profissionais e pessoais e nem sempre é fácil conciliar tudo e é por isso que é tão importante conseguir encontrar um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Mas como?

Não existe uma receita única: cada família tem contextos diferentes e condicionantes que fazem variar o tempo que têm disponível. Contudo, há certas atitudes que podemos tomar ou mudar para equilibrar as duas esferas da nossa vida.

  1. ORGANIZE-SE

As rotinas ajudam-nos a otimizar o tempo que passamos juntos. Se fizer uma ementa semanal, além de poupar tempo, poupa também no orçamento familiar! O tempo que perdemos a ir ao supermercado várias vezes por semana ou a pensar o que fazer para o jantar, é tempo que se pode aproveitar para a família. Se arrumarmos imediatamente depois de usarmos ou sujarmos algo, poupamos tempo e incutimos nos mais novos, desde cedo, hábitos de organização e disciplina que serão muito úteis na vida adulta!

  1. DELEGUE

Dividir tarefas, repartindo o trabalho doméstico e outras responsabilidades parentais, é outra decisão que não só aproxima o casal e a família, como é o mais justo para que nenhum membro fique demasiado sobrecarregado. Tanto no trabalho, como em casa. Não tem que fazer tudo sozinho/a. As pessoas que o/a rodeiam podem ajudá-lo.

  1. REDUZA O TEMPO NAS REDES SOCIAIS E INTERNET

Esta regra aplica-se a pais e filhos, em casa e no trabalho. Decida em família um limite de tempo para estar online. É atualmente onde a maioria das pessoas gasta mais tempo livre. E esse tempo pode ser utilizado de forma muito mais agradável com a família ou fazendo atividades desportivas, por exemplo. Sabia que os casais e família que fazem desporto juntos são mais unidos? Aproveite o fim-do-dia para uma caminhada ou uma volta de bicicleta em família.

  1. RESPEITE OS SEUS LIMITES

Estamos constantemente a querer ser melhores: melhores pais, melhores trabalhadores, melhores pessoas…e ainda bem! Devemos, contudo, respeitar os limites que o nosso corpo nos impõe. O cansaço, as noites mal dormidas, o stress e o excesso de trabalho prejudicam gravemente a sua saúde e o bem-estar da sua família. Com a alta competitividade no mercado de trabalho é cada vez mais “normal” e “socialmente aceitável” ver pessoas a trabalhar várias horas extra e fins-de-semana. Tente evitar este hábito ao máximo. Existem horários de trabalho por algum motivo – ninguém consegue ser produtivo durante 10h por dia/ 5 dias por semana. É importante ter brio no trabalho, mas é igualmente importante ter brio na família. Outra regra de ouro é não levar trabalho para casa. É mais difícil do que parece, já que os emails, as mensagens e os telefonemas tornam difícil “desligar-se” do trabalho.

  1. ONDE ESTIVER, ESTEJA INTEIRO/A

Se está no seu horário de trabalho, foque-se no trabalho. Se está no horário de lazer, relaxe e aproveite o tempo como quiser. Há tempo: temos é de saber geri-lo, definindo prioridades. Se  sabe que tem de trabalhar das 9h às 18h, então arranje um horário em que possa estar com a família sem ser perturbado/a.  Se não for possível durante a semana, então reserve os fins-de-semana para a família, sem interrupções. E férias são férias… Permita-se uma vez ao ano tirar férias com sua família e marque-as com bastante antecedência: não só poupa no alojamento, mas também nas preocupações e permite reservar esses dias na sua agenda. 

  1. QUALIDADE É MELHOR QUE QUANTIDADE

Se não consegue passar tanto tempo com os seus filhos como gostaria, então certifique-se que o tempo que passam juntos é tempo de qualidade? O que quer isto dizer? É tempo para fazer algo produtivo, positivo, que relaxe, que o/a deixe feliz e aos filhos também. Não precisa de gastar dinheiro: pode organizar uma sessão de cinema em casa com pipocas, uma tarde de jogos de tabuleiro, ida ao parque ou passeio pela cidade/vila.

  1. APROVEITE O TEMPO NOS TRANSPORTES

Sabia que em média os portugueses gastam 42 minutos por dia em deslocações para o trabalho? Otimize este tempo e aproveite para se organizar mentalmente, planear o dia/semana ou, se for acompanhado pelos filhos aproveite este tempo para criar laços, falando do dia, cantando ao som da rádio ou jogando um jogo de palavras.

8. SEJA FLEXÍVEL

É difícil atingir o equilíbrio perfeito entre trabalho e família e por vezes é preciso quebrar esse equilíbrio e dar prioridade a um dos dois. Se um membro da família adoecer, poderá ter de cancelar um evento no trabalho; ou se, pelo contrário, houver um prazo urgente ou um trabalho importante a cumprir, talvez tenha de chegar mais tarde a casa. É importante ser flexível para lidar com alguma frustração que vem de tentar equilibrar trabalho e família em todos os momentos da sua vida e saber que, dependendo da situação, poderá ter de dar mais tempo a um ou a outro.